zA implantação do Plano Estratégico para os Programas de Pós-Graduação (PPG) decorreu de uma iniciativa da CAPES no sentido de melhor estruturar a Pós-Graduação  brasileira; em 2019, essa instituição o torna quase obrigatório, na medida em que condiciona uma melhor avaliação do PPG à sua apresentação; não apenas pela questão normativa, o Plano Estratégico (PE), ou Planejamento enquanto processo, notadamente o PE contribui para a gestão estratégica do PPG na medida em que orienta suas ações tanto nos processos de tomada de decisão do cotidiano, quanto orienta no curto, médio e longo prazo. Trata-se, portanto, de um diferencial importante para direcionamento sistemático de objetivos e ações do PPG. 

A primeira versão do Plano Estratégico do PADR foi elaborada entre novembro e dezembro de 2019, com ações previstas para 2020; foi o primeiro PPG da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE) a elaborar seu PE, tornando-se piloto e modelo para toda a Universidade àquela época. A Pró-Reitoria de Pós Graduação da UFRPE, antiga PRPPG e atual PRPG, tomou a iniciativa de coordenar este processo com o apoio da PROPLAN. Com isso se ganhou tanto na definição de um padrão, quanto na sistemática dos processos. Os resultados permitirão à PRPG obter uma visão estratégica sobre o conjunto dos programas. Em decorrência poderá tomar decisões mais bem estruturadas e estratégicas, facilitando a constituição da boa governança para a pós-graduação da Universidade. Deve-se ressaltar que houve um esforço para alinhar o PE a outra exigência da Capes: a criação das Comissões de AutoAvaliação (CAA). Esse esforço de alinhamento encontra-se refletido na metodologia de elaboração do PE, na medida em que os resultados extraídos dos relatórios da Comissão própria de Avaliação da UFRPE (CPA) e da CAA/PADR tornam-se parte importante do diagnóstico, contribuindo para a elaboração  da SWOT e desta para a elaboração dos Objetivos Estratégicos e Planos de Ação. Destaca-se, todavia, que o primeiro relatório da CPAA/PADR foi apresentado após a elaboração deste PE, servindo portanto como fonte de informações apenas para o PE 2021-2024, a ser elaborado entre abril e junho de 2021.

A condução dos processos de elaboração do Planejamento Estratégico do PADR foi da equipe da Coordenação de Planejamento e Desenvolvimento Institucional (CPDI) da PROPLAN. Esta foi liderada pelo administrador Rafael Carvalho, acompanhado pelo então Coordenador da CPDI e Presidente da Comissão de Planejamento do PADR, Professor Romilson Cabral e da administradora da CPDI, Noêmia Wisman.  Além do professor citado, compuseram a Comissão de Planejamento do PADR os docentes André Melo, Rodolfo Moraes e Maria Gilca Xavier. Como citado, os trabalhos tiveram seu início em novembro de 2019 quando foi criada a Comissão de Planejamento. Em seguida foi realizada uma reunião de apresentação do PE e preparatória, entre o pessoal técnico da PROPLAN, o Coordenador do Programa Prof. André Melo e os demais integrantes da Comissão de Planejamento. O relatório completo está disponível neste link.