Integração com a Graduação

Desde o início de 2010 o PADR inaugurou uma política para integrar as graduações da UFRPE de áreas afins ao PADR. Como objetivos específicos o Programa promove: i- a familiarização dos alunos de graduação com as técnicas e as várias etapas do desenvolvimento de pesquisas; ii- o desenvolvimento de habilidades acadêmicas e profissionais relevantes para os futuros profissionais de ciências humanas e sociais; desperta e amplia habilidades de comunicação interpessoal e apresentação pessoal dos alunos dos cursos de Bacharelado em Economia e Administração da UFRPE.
 
Participaram deste Programa de 2010 a 2013 27 alunos de graduação, 20 mestrandos e 6 professores do quadro permanente do PADR. Alguns, entre os muitos resultados dessa integração são visíveis no triênio 2010/2012: i- relativamente aos mestrandos deve-se em grande medida ao Programa Integração Graduação / Pós- Graduação a redução do tempo de titulação do PADR. Os três primeiros lugares na seleção de 2011 do PADR foram alunos que participaram do Programa Integração Graduação/PADR através da pesquisa do BNDES Análise do Mapeamento e das Políticas para Arranjos Produtivos Locais no Norte, Nordeste e Mato Grosso e dos Impactos dos Grandes Projetos Federais no Nordeste, que reuniu 6 bolsistas da graduação, sendo 4 bolsas da FUNPEC-RN/BNDES e 2 de monitoria (UFRPE) e 2 bolsas (FUNPEC/BNDES) do mestrado. Os produtos gerados por essa pesquisa foram 5 monografias, duas dissertações e diversos artigos na linha de pesquisa “Políticas Públicas e Desenvolvimento Rural Sustentável” do PADR.
 
Outra forma de Integração do PADR com a graduação refere-se à carga horária dedicada pelos professores do PADR dedicadas a docência: todos os docentes do corpo permanente do PADR ministram, em média, duas disciplinas de 60 horas/aula na graduação. No que se refere ao Programa de Iniciação Científica, docentes e alunos das graduações de áreas afins à linha temática de pesquisa do mestrado participaram deste PADR no triênio em análise, financiados por instituições de fomento como CNPq, FACEPE e a própria UFRPE.
 
Ao participar dessa rede, que envolve também alunos da graduação e membros do programa, o PADR se aproximou de várias instituições, como o BNDES (financiador da pesquisa) e a UFRN. Vários alunos dos cursos de graduação da UFRPE, notadamente os de Economia e Agronomia, ao integraram os projetos de pesquisas dos professores do PADR, têm participado de publicações conjuntas em congressos e periódicos.